Votuporanguense vence a Penapolense fora de casa, mantém o tabu, quebra a invencibilidade do adversário e encosta no G-4

Pela quinta rodada do Campeonato Paulista da Série A2, a Votuporanguense fez bonito ao derrotar mais uma equipe invicta na competição. Depois de vencer a Inter de Limeira semana passada em casa, a vítima agora foi a Penapolense, que também não havia perdido na A2. A Pantera bateu o time local, na manhã de ontem, no Tentente Carriço, em Penápolis, por 2 a 1 e se aproximou da briga pela classificação para a semifinal.

Daniel e Adriano Paulista marcaram para o Cav. Copete descontou para a Penapolense. 

Com o triunfo, a Pantera pulou para a sétima posição da tabela de classificação com 9 pontos ganhos. 

O próximo desafio da Alvinegra é diante a Portuguesa sábado (10), às 11 horas, na Arena Plínio Marin. 

O jogo

O primeiro tempo começou equilibrado, mas logo a Votuporanguense tomou as rédeas e teve domínio do jogo. 

Aos 34 minutos, Adriano Paulista foi lançado, invadiu a área e foi derrubado pelo goleiro Vitor. Daniel ainda completou para o gol no rebote, mas o árbitro não deu a vantagem e parou o jogo, marcando pênalti.

Na cobrança, o Vitor ainda conseguiu defender o chute de Fio, mas a bola ainda bateu na trave e, no rebote, Daniel completou para o gol, abrindo o placar, Votuporanguense 1 a 0.

O Cav seguiu melhor e antes do intervalo ampliou. Em mais um contra-ataque, aproveitando roubada de bola de Elvinho, Adriano Paulista foi lançado em velocidade e bateu cruzado da entrada da área para marcar o segundo, Votuporanguense 2 a 0.

Na segunda etapa, a Pantera voltou a pressionar a Penapolense e com mais volume de jogo e passes envolventes quase deixou o placar elástico em pelo menos umas duas oportunidades.

A Votuporanguense ainda tomou um susto aos 46 minutos, quando a bola foi levantada para a área e Copete completou de cabeça, descontando para o Penapolense.

A reação, no entanto, parou por aí e o Cav assegurou a vitória por 2 a 1.

A Alvinegra jogou com: Vitor, Douglas, João Victor, Jorge Miguel, Daniel (Alison), Luis Guilherme, Adriano Paulista (Tiago Tremonti), Ricardinho, Fio, Elvinho (Nathan) e João Marcos.